A Câmara Municipal de Jundiaí reinicia nesta terça-feira (07) os trabalhos do ano com o elenco renovado, pois apenas nove dos 19 vereadores atuantes anteriormente foram reeleitos. Assinam a renovação da Casa dez novos parlamentares que assumiram as cadeiras em janeiro deste ano, entre os que já tentaram o pleito há mais de uma eleição e outros com nomes desconhecidos do meio político. 

São eles: o médico Wagner Tadeu Ligabó (PPS), o comerciante Adriano Santana dos Santos, conhecido como Dika Xique-Xique (PR); o empresário Cristiano Lopes (PSD); o administrador de empresas Douglas do Nascimento Medeiros (PP); Cícero Camargo da Silva, o Cícero da Saúde (PROS); o advogado Antônio Carlos Albino (PSB); Edicarlos Vieira (PSD); o farmacêutico Arnaldo Ferreira de Moraes (PDT), o Arnaldo da Farmácia; o educador físico Faouaz Taha (PSDB) e Romildo Antonio da Silva (PR). 

Os dez novos vereadores passam a conviver agora com os reeleitos Gustavo Martinelli (PSDB), o mais votado nas eleições e eleito presidente da Mesa Diretora, Rafael Antonucci (PSDB); Leandro Palmarini (PV), Paulo Sérgio Martins (PPS), Marcelo Gastaldo (PTB), Márcio Cabeleireiro (PMDB), Rogério Ricardo da Silva (PHS), Valdeci Delano (PTB) e Roberto Conde (PRB). Com esse quadro o PSDB continua com a maior bancada da Câmara. 

A nova legislatura deve apresentar agenda mais conservadora, já que os dois únicos representantes do PT que permaneceram no partido não conseguiram a reeleição. O mesmo ocorreu com o vereador do PCdoB, Rafael Purgato, aliado do PT. Permanecem no quadro de parlamentares para os próximos quatro anos, portanto, vereadores de siglas que tiveram entre as principais bandeiras pautas como o veto à discussão de ideologia de gênero nas escolas e apoio ao projeto de escola sem partido.

A bancada evangélica, porém, perdeu um de seus dois representantes, o pastor Dirlei Gonçalves (PV), um dos mais votados em 2012. O ex-presidente da Câmara, Marcelo Gastaldo (PTB), e Rogério Ricardo da Silva (PHS) têm relação estreita com a igreja católica.

Cláudia Muller é jornalista e voluntária do Voto Consciente Jundiaí.