Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

A alternância política e seu papel no processo democrático

Publicada em 13/01/2012 às 19:06 | por Márcia Pires

Inicio este texto rememorando o primeiro artigo contido em parágrafo único da Constituição Federal: “…todo poder emana do povo e em seu nome deve ser exercido…” O poder é exercido pelo povo – ou pelo menos deveria – através de representatividade, com eleições diretas ou indiretas, nos termos da Constituição. Essa é a verdadeira essência da soberania popular.
Chegamos a mais um ano eleitoral. Olhando para a realidade local, Jundiaí carece desesperadamente de novas lideranças, sobretudo as partidárias, comprometidas com os princípios básicos da governabilidade, sinceridade de propósitos e competência técnica.
As articulações que ocorrem no momento parecem novamente voltadas apenas a uma interminável caça ao tesouro, tesouro este formado por inúmeros e alguns até bem intencionados candidatáveis ao legislativo, numa verdadeira guerra para angariar votos. Não aos candidatos em questão, mas sim às obscuras coligações, cujo único intento não é outro se não o de conseguir o maior número possível de cadeiras.
“Correndo por fora” temos as articulações que disputarão os cargos a Prefeito e Vice, e aqui chamo a atenção para o propósito deste artigo: falar do papel fundamental da alternância de poder no processo eleitoral e para que se cumpra o legítimo exercício da soberania popular.
Não é mais possível pactuar com uma continuidade que legitima poderes advindos de forças econômicas, subvertendo toda a ordem de direitos constitucionais e que fere por completo suas bases democráticas.
Continuidade esta que faz vistas grossas ao gigante cerco da especulação imobiliária, que não consegue resolver os problemas do trânsito caótico e a falta de infraestrutura no transporte público, sem contar os outros inúmeros problemas com atendimento nos hospitais conveniados ao SUS, submoradias e obras faraônicas que privilegiam apenas determinados grupos e segmentos e seus interesses políticos.
Jundiaí é abençoada e privilegiada por sua localização estratégica e suas riquezas naturais, sem contar o nosso patrimônio histórico e a nossa vocação para o empreendedorismo. Reeleger tais grupos políticos seria jogar no lixo, em curto, médio e longo prazos de tempo, tudo o que sempre ajudamos a construir para a cidade dos sonhos de cada cidadão.

Márcia Pires

Leia mais sobre Outros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/a-alternancia-politica-e-seu-papel-no-processo-democratico/