Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

Bispo vai à Câmara e abre discussão sobre violência

Publicada em 03/03/2009 às 10:52 | por Voto Consciente Jundiai

SESSÃO

3/3/2009

FABIANO MAIA Vereador Doca fará um ofício à SSP para que os policiais de São Paulo reforcem o policiamento na cidade

Vereador Doca fará um ofício à SSP para que os policiais de São Paulo reforcem o policiamento na cidade

Assaltos a condomínios, vários supermercados invadidos por criminosos fortemente armados, ´saidinhas´ de banco, furtos e roubos de veículos diariamente registrados. A Campanha da Fraternidade deste ano, encabeçada pela Igreja Católica, trata da segurança pública e não poderia vir em melhor momento para Jundiaí. O assunto será tratado na sessão ordinária da Câmara de Vereadores, hoje, às 9 horas. O bispo diocesano dom Gil Antônio Moreira fará a apresentação do tema aos parlamentares, que aproveitarão para discutir o assunto. Nas próximas semanas, inclusive, representantes da Polícia Militar e Guarda Municipal farão parte das sessões para discutir o combate à criminalidade.

“É um tema relevante e discutir esse assunto já é um apelo da população”, destacou o presidente do Legislativo local, José Galvão Braga Campos, o Tico (PSDB). “Tanto é que dois delegados da cidade foram eleitos vereadores”, completou, referindo-se a Paulo Sérgio Martins (PV) e Fernando Bardi (PDT).

Para que o bispo possa falar a respeito da campanha “Fraternidade e Segurança Pública”, a sessão será suspensa por tempo indeterminado. De acordo com Tico, os legisladores podem discutir sobre a questão. Em relação a um possível embate entre situação e oposição – típico em momentos considerados polêmicos – o presidente da Câmara disse não acreditar em disputas políticas neste momento. “Não vejo isso como oposição e situação. É um problema sério e que precisa de solução. Criticar não vai levar à nada.”

Mais visitas – Para dar continuidade ao tema, a Câmara deve receber na próxima semana, durante a sessão, o tenente-coronel Walter Mota, comandante do 11º Batalhão da Polícia Militar do Interior (BPM/I). “O comandante da Guarda Municipal, Paulo Sérgio de Lemos Giacomelli Stel, o Jacó, e um representante do 49º Batalhão da PM também serão convidados. Queremos que eles destaquem as ações que vão ser executadas na cidade”, reforçou Tico.

O vereador Durval Orlato (PT) afirmou que vai aproveitar a oportunidade para reforçar ao prefeito Miguel Haddad (PSDB) a necessidade de reforçar a Guarda Municipal. “Nos próximos dois anos, é preciso que sejam implantadas mais câmeras de monitoramento. Hoje temos 32, quando o ideal é de pelo menos 100, conforme estudos, para uma cidade do porte de Jundiaí.” O petista ainda lembrou que a contratação de mais GMs e a compra de novas viaturas são aguardadas pela população. “O ideal é que tivéssemos 400 guardas, além de mais veículos para a Ronda Escolar. Este trabalho nos bairros onde há escolas, inclusive, é fundamental e precisa ser estendido até a meia-noite.”

Antônio Carlos Pereira Neto, o Doca (PP), faz parte da Comissão Permanente de Segurança Pública do Legislativo. Ele afirmou ontem que vai encaminhar um ofício à Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) solicitando a volta da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) a Jundiaí. “É importante para o reforço do policiamento. Mas ainda estamos buscando dados para o ofício. Queremos que não seja um simples pedido, mas que esteja bem fundamentado com números e tudo mais”, completou.

EMERSON LEITE

fonte: JJ

Voto Consciente Jundiai

Leia mais sobre Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/bispo-vai-a-camara-e-abre-discussao-sobre-violencia/