Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

Jundiaiense corre para acertar contas com a Justiça Eleitoral

Publicada em 03/05/2010 às 21:38 | por Voto Consciente Jundiai

Os eleitores de Jundiaí deixaram para a última hora, mas mostraram empenho em participar das eleições e ajudar no processo que elegerá presidente, governador, senadores e deputados. Na semana passada, as duas zonas eleitorais do município tiveram o atendimento ampliado e senhas precisaram ser distribuídas para dar conta da demanda. Quem quiser regularizar a situação na Justiça Eleitoral – seja para tirar o título ou fazer a troca de seção – tem até a próxima quarta-feira (5) para ir aos cartórios, que funcionam das 9 às 18 horas. Hoje, haverá plantão no mesmo horário.

Os motivos que levaram centenas de eleitores aos cartórios são os mais diferentes. Na última semana, a movimentação era grande: somente na 65ª Zona Eleitoral, que atende Jundiaí e Itupeva, 500 atendimentos eram feitos por dia. Para o estudante Caio Matheus Messias, 16 anos, ir ao cartório representa a chance de poder contribuir com o futuro do País. Mesmo sem a obrigação de votar, o estudante do 2º ano do ensino médio fez questão de tirar o título. “Não acho certo que alguém possa escolher pela gente. Quero votar em candidatos com propostas nas quais acredito serem as melhores.”

Em 2010, quem justificou o voto no pleito anterior também fará questão de ajudar. “Sou de Jundiaí, mas mudei para Birigui e tirei o título lá. Quando voltei para Jundiaí, acabei justificando o voto em 2008. Mas este ano decidi participar”, contou Mariana Benatti, 21 anos, estudante. A jovem pediu um tempo livre no estágio para conseguir ir ao cartório. “O horário é ruim, mas quis vir porque acho importante votar. É uma questão de cidadania.”

Parte dos eleitores procura o cartório porque encontra faixas nos locais em que vota avisando sobre o remanejamento. Em alguns locais de votação, existem seções com mais de 400 eleitores, acima do limite indicado pela Justiça Eleitoral. Nestes casos, quem optar pela mudança poderá ir às urnas sem enfrentar filas. O processo, porém, não é obrigatório.

A doméstica Aparecida de Oliveira Bingazzolli, 57 anos, decidiu ajudar. “Voto no Jardim Tulipas e até acho minha seção tranquila, mas quis vir aqui. Tomara que não me coloquem em uma escola distante”, afirma. Após 10 anos morando no Jardim Messina, Cláudio Bueno de Oliveira, 42 anos, quis transferir o título para o Jundiaí-Mirim, onde reside hoje. “Vou trocar porque é mais fácil votar perto de casa do que ir até outro bairro.”

Documentos – O eleitor com dificuldade de locomoção, que não está inscrito em alguma seção especial, também deve solicitar a transferência do título para uma delas. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, todas as 422 zonas eleitorais do Estado têm seções acessíveis. Para ir ao cartório pedir a mudança ou fazer o alistamento, é necessário levar RG ou carteira de motorista, comprovante de residência, CPF, certidão de casamento e o título (se houver). Homens entre 18 e 45 anos devem apresentar ainda atestado de alistamento militar. Os telefones dos cartórios são (11) 4522-6101 (65ª) e 4526-8780 (281ª).

ROBERTA BORGES

fonte: JJ, publicado em 2/5/10

Voto Consciente Jundiai

Leia mais sobre Outros

Uma resposta para “Jundiaiense corre para acertar contas com a Justiça Eleitoral”

  1. Avatar maria do carmo pinto ribeiro tafarelo disse:

    meu local de votacao mudou, como saber o novo local pela zona 281 secao 352 em jundiai?
    Maria do carmo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/jundiaiense-corre-para-acertar-contas-com-a-justica-eleitoral/