Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

ONG busca mais interessados em adoção

Publicada em 04/04/2009 às 15:03 | por Voto Consciente Jundiai

ADOTE UM VEREADOR

4/4/2009

MARCELO LANGUE Evento realizado ontem reuniu interessados em fiscalizar vereadores

Evento realizado ontem reuniu interessados em fiscalizar vereadores

A ONG Movimento Voto Consciente trouxe para Jundiaí ontem o jornalista Milton Jung. Foi dele a idéia de criar uma campanha para adotar um vereador, que deu início a mobilização em várias cidades do País. O evento foi realizado no auditório do Ciesp e contou com a presença de cerca de 25 pessoas, entre elas os vereadores petistas Durval Orlato e Marilena Negro.

Para o coordenador da ONG Movimento Voto Consciente de Jundiaí, Henrique Parra Parra Filho, o evento busca mais apoiadores. “A gente quer que essas pessoas saiam daqui e difundam o tema, mobilizem mais gente para participar da campanha e fiscalizar o trabalho dos vereadores.”

A campanha ‘Adote um Vereador’ surgiu durante o programa que Jung tem em uma rádio de São Paulo. “As pessoas costumam dizer que eu sou dono da campanha, já fui até criticado na Câmara de São Paulo, mas ninguém é dono. Somente dei a idéia, as pessoas aceitaram, se uniram e hoje se mobilizam para cobrar dos vereadores um trabalho sério e de interesse da sociedade.”

O encontro promovido ontem visa criar multiplicadores para que a campanha receba cada vez mais adeptos. “O Adote um Vereador começou com este objetivo: encontrar alguém que pense próximo de você dentro da Câmara, passe a acompanhar o trabalho dele, e usá-lo para levar suas propostas à Câmara. Em pouco tempo, os ouvintes-internautas “desvirtuaram” a idéia e passaram a escolher aquele vereador que eles menos gostam e, assim, começaram a fiscalizá-lo, acompanhar se comparecem à Câmara ou participação das comissões permanentes.”

O jornalista disse ainda que a sociedade precisa entender que tem responsabilidade no trabalho realizado nas câmaras. “Na última eleição, um quarto dos eleitores elegeram seus candidatos. Os outros três quartos ficam naquele discurso: já votei, agora é com ele. Mas não pode ser assim. As pessoas esquecem que as decisões que mais mexem com a qualidade de vida delas é decidida na Câmara da cidade. Além disso, nós temos o direito de acompanhar e de cobrar.”

Segundo ele, a campanha já começou a colher frutos. “Em São Paulo, por exemplo, a ONG conseguiu a obrigatoriedade da prestação de contas dos vereadores a cada seis meses. Conseguiu também aprovar o plano de metas para os próximos quatro anos. Isso é resultado da mobilização e do interesse da sociedade.”

Jung tem acompanhado o trabalho desenvolvido pela ONG em Jundiaí. “Acompanho sempre pela internet. Trocamos idéias e só cobrando os vereadores é que vamos ter um trabalho sério. Porque eles não estão acostumados a serem fiscalizados. As pessoas pensam que basta votar em ‘qualquer um’, porque são ‘todos iguais’. Mas isso não é verdade. A gente que elegeu, a gente que paga pelo trabalho deles.”

Metade dos 16 vereadores da cidade já foram ‘adotados’. Os interessados podem acessar o endereço https://vereadores.wikia.com e adotar um vereador. O internauta passará a preencher um blog (diário virtual) com informações a respeito do político escolhido.

ALINE PAGNAN

fonte: JJ

Voto Consciente Jundiai

Leia mais sobre Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/ong-busca-mais-interessados-em-adocao/