Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

Um começo, e agora não vejo mais o fim.

Publicada em 21/06/2013 às 11:40 | por Colunista Convidado

Artigo de Guilherme Speranza

Não existem organizadores, já que o povo pede que seja um ato do povo.

O que eu vi ontem, foi visualmente lindo no começo e uma cena de um filme de terror no final. Algumas pessoas ali nem sabiam o porquê estavam na rua, e no final, nem eu sabia mais.

Ouvi grupos defendendo mil causas, cada um seguindo uma frente e a cada segundo alguém tentando tomar essa frente.

Eu fui um dos que defendia o apartidarismo, mas muitos ali pensavam que isso era repudio a qualquer coisa e violência com quem levava consigo uma sigla!

Do meu lado tinha gente do PSDB, PT, PSOL, entre outras… Mas isso parecia motivo para alguém da multidão não deixar a pessoa expressar o que pensava.

Sinceramente, não sei aonde isso vai parar. Não sei se sinto orgulho de tudo isso, se me assusto ou continuo na rua para tentar alertar as pessoas.

Ontem eu gritei, tentei explicar parar as pessoas que no meio da multidão pareciam perdidas o porquê elas poderiam estar na rua… Mas a maioria nem me ouvia com todos aqueles apitos, tambores e sons.

Uma das coisas que eu mais temia aconteceu, confronto, confusão, vandalismo e um carnaval de rua com pessoas bebendo e etc.

Eu ainda defendo a idéia da pessoa ir para rua defender o que acredita, lutar pelo que quer… Mas não adianta viver no meio de movimentos que não são organizados. Infelizmente, o povo ainda não criou consciência suficiente para se auto-organizar e qualquer um que tente ir a frente para colocar um rumo nas coisas é confundido com aproveitador, manipulador ou coisas piores.

Pessoas confundem que a revolta contra um sistema não é motivo para vandalizar, mesmo sabendo que foram os poucos infiltrados que fizeram isso.

Enfim, o começo foi visualmente lindo e quem estava ali no começo conseguia entender o que era pedido. Mas a multidão chegou, os “líderes” surgiram e cada segmento foi para seu lado, tomando algo, gritando algo e espero que no final, tenham conseguido algo.

Colunista Convidado

Leia mais sobre Outros

Uma resposta para “Um começo, e agora não vejo mais o fim.”

  1. Avatar Patrícia Anette disse:

    “O que eu vi ontem, foi visualmente lindo no começo e uma cena de um filme de terror no final.”

    clap-clap-clap!

Deixe uma resposta para Patrícia Anette Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/um-comeco-e-agora-nao-vejo-mais-o-fim/