Voto Consciente Jundiaí | https://votoconscientejundiai.com.br

Um Secretário afasta muita gente. Três, muito mais!

Publicada em 03/08/2011 às 10:45 | por Henrique Parra Parra Filho

Rafael Alcadipani é um desses jundiaienses que trabalham e progridem profissionalmente em espaços importantes (neste caso em um dos mais destacados centros acadêmicos do país, FGV/SP), mas que mantém a preocupação com nossa cidade, buscando formas de contribuir com os debates locais e contribuir com o desenvolvimento jundiaiense, mesmo não encontrando tantos espaços e ferramentas para fazer isso à distância e com o pouco tempo de que dispõem.

Embora meu tema neste artigo não seja a defesa de Rafael Alcadipani, quando três dos principais secretários de governo ocupam espaços na rádio e nos jornais para ataques frontais a partir de um “artigo de opinião” escrito por este professor universitário jundiaiense, sinto-me compelido a algum tipo de defesa. Mas tentarei manter o foco, que é justamente este número: 3 dos principais secretários atacando frontalmente um cidadão que deu sua opinião.

Vejam, não sou ingênuo. Defesas políticas fazem parte do jogo. Mas não consigo me furtar de uma imagem de peleia, ou mesmo de futebol. Nesse caso, o que aconteceu foi “força desproporcional”. Foram três dos principais secretários municipais, usando os espaços que lhe são ofertados para, no limite, atacar um cidadão que expôs sua visão sobre as coisas e sobre a cidade. Simples (e triste) assim.

Secretário, cidadão. Secretário, cidadão. Secretários, cidadão. Trêsecretários, umcidadão.

Um secretário não é um cidadão. Seu papel é institucional e a defesa pode ser institucional, do governo, da equipe e do projeto. Ou seja, nunca de atacar o autor do artigo, mas os argumentos apresentados. Não foi isso que aconteceu. Neste caso, pela “desproporção da força” e pela confrontação com o autor, sentimos que os três secretários atuaram de forma partidária, como quem defende um projeto contra um opositor. Não sou ingênuo e, posso imaginar o sentimento do editor e do dono do jornal ao receber três críticas deste peso, articuladas num mesmo dia.

Tenho atuado na ONG VOTO CONSCIENTE nos últimos 5 anos e, desde 2006, temos incentivado incansavelmente a participação cidadã. Não posso conter a tristeza e a indignação de ver três secretários espantando um cidadão que se atreve a escrever o que vê e pensa sobre a cidade. Para mim, pouco importam os dados e argumentos deste episódio. Importa mais como, de novo, cria-se um sentimento de conflito que só logra afastar e amedrontar aqueles cidadão que não têm interesse partidário (por isso o conflito não interessa) e que gostariam de participar e opinar sobre Jundiaí. Lamento que os secretários tenham agido assim.

 

Avatar

Leia mais sobre Outros

9 respostas para “Um Secretário afasta muita gente. Três, muito mais!”

  1. Avatar Fabio Storari disse:

    É assim mesmo, cada vez que alguém se manifesta e incomoda, usam o peso institucional para calar. Pior, tentam desviar o foco, e ardilosamente descredibilizar a opinião contrária.

    a cidade vive uma crise de democracia. Há muito não vemos um poder tão autoritário, e isso, em parte é culpa do próprio cidadão, que elege um único grupo para governar, fragilizando o debate e a vivência democrática.

    é passada a hora de equilibrarmos as forças.

  2. Avatar Fábio Campos disse:

    Isso mostra que nossos representantes não possui a mínima noção do que é a democracia, também, parecem não ter nada mais importante para fazer do que criticar a opinião de algum cidadão que não segue ordens (odoram dar caráter pessoal às ideias), se fizermos uma relação poder econômico versus falta de intelecto político, certamente nossa cidade chegará em mais uma excelente posição.
    em quanto isso o patrimônio pessoal……

  3. Felipe Andrade da Silva Felipe Andrade da Silva disse:

    Parabéns pelo artigo. Espero que não te ataquem por isto. Abraço.

  4. Avatar Rafael Navarro Cintra disse:

    Henrique,

    Como membro do grupo Novos Tucanos(Juventude do PSDB) tento exercer a cidadania de forma completa para colaborar com a melhoria de nosso cidade e com o que espero seja se torne uma cidade melhor para futuras gerações.

    Com relação aos ataques sofridos pelo Rafael Alcadipani, eu realmente discordo da posição tomada pelo Sr. Jaderson Spina que chega ao extremo de traçar um pararelo entre o assasino da Noruega e qualquer tentativa de critica feito pelo Alcadipani. Realmente o Secretário deveria ter se utilizado de melhores palavras e argumentos em seu artigo.

    Já quanto ao artido do Secretário Carmelo, eu concordo totalmente. Simplesmente criticar por criticar não trará melhorias para a cidade. Assim como eu você tem contato com outros secretários e agentes políticos do governo municipal que estão empenhados em resolver os problemas da nossa cidade. Prova disso é o envolvimento dos Novos Tucanos na proposta de Metas Legislativas, do Deputado Luiz Fernando com sua proposta do Qualifica Jundiaí e do ciclo de Educação Política idealizado pelo Márcio Ferrazzo através de nosso grupo da Juventude tucana.

    Não podemos esquecer que se o atual grupo político está a 20 anos no poder é por vontade da população que o tem escolhido para tal. Afinal vivemos em uma democriacia onde ocorrem eleições a 4 anos.

    Não só em Jundiai, mas em nossa sociedade atual apenas criticar sem propor soluções é muito facíl. Realmente não conheço exatamente o currículo do Alcadipani ou exatamente em que área ele se especializou, mas gostaria que da mesma forma que ele utilizou o espaço dado a ele para criticas, ele o utiliza-se para propor soluções aos problemas de nossa cidade, criando assim um canal de comunicação com aqueles que estão no poder, afinal, politica é um ciclo vicioso, onde os que estão no poder procuram soluções para atender a demanda daqueles que tem o poder de decisão: os CIDADÂOS.

    Não acho que o governo do prefeito Miguel Haddad seja perfeito, mas nenhum governo o será, acho que devemos sim apontar falhas, mas propondo formas de contribuir com o problema e também valorizar as coisas boas.

    Obrigado,
    Rafael Navarro Cintra

    • Agradeço a todos os comentários e fico feliz que o artigo, e este site, sejam espaço para o debate. Rafael Navarro, estou certo da contribuição do grupo Novos Tucanos para que consigamos implementar as METAS LEGISLATIVAS até o final deste ano e que, assim, com outras 9 organizações sociais, o jundiaiense contribua para melhorar a Câmara Municipal.

      Assim como estou certo que o Concurso Cidadonos (www.cidadonos.org.br), com mais de 3.320 jundiaienses participando e mais de mil propostas e problemas apontados, é o processo mais vibrante de mobilização social e participação cidadã dos últimos anos aqui em Jundiaí. Estou confiante de que inúmeros governantes irão construir suas políticas públicas com base neste diagnóstico participativo e a partir da AGENDA CIDADÃ.

      Exatamente por estar há cinco anos construindo espaços, ferramentas e inspirando a participação cidadã a partir do trabalho do Voto Consciente que, no artigo, fiz questão de ressaltar que a reação articulada de três dos principais secretários causa um efeito de intimidação e, sobretudo, é uma reação desproporcional. Além disso, ao colocarem Alcadipani como opositor (como se ele não fosse um cidadão, mas alguém que disputa com a Prefeitura), os secretários acabam se posicionando de forma a disputar, ou seja, de forma partidária.

      Torço para que o Novos Tucanos cresçam e, com o passar dos anos, renovem o próprio PSDB, num processo sadio que todo partido deve fazer. Esse processo precisa ser norteado por autocrítica, que vejo em sua palavras e, por isso, me alegro.

      forte abraço do henrique

    • Avatar Rafael Alcadipani disse:

      Prezado Rafael,

      Muito interessante e inteligente e inteligente o seu comentário. Não precisamos concordar em tudo e coloco-me a inteira disposição do grupo “Novos Tucanos” para conversar e dialogar. Assim como vocês, meu interesse é por uma melhor Jundiaí. Se quiserem, me chamem para uma reunião de vocês e posso expor o meu ponto de vista sobre a cidade, claro, se vocês acharem que vale a pena!
      Gde Abraço
      Rafael Alcadipani

  5. Avatar Edite Lopes disse:

    Este é o jeito Miguel Hadade e companhia de governar Jundiaí.
    Lamentavelmente podemos dizer que o povo vive se fingindo de cego e mudo elegendo essa gente.Não passam de meros ditadores, onde um cidadão não pode expressar de forma livre o que pensa. Para eles Jundiaí é a melhor cidade do mundo, qdo nós cidadãos trabalhadores e conscientes sabemos que não passa de mera propaganda enganosa.Mas “um dia a casa cai”; não há mal que dure para sempre.
    Vamos acabar com essa gangue!!!

  6. Avatar Patricia Anette disse:

    Gostei demais do seu artigo, Henrique. E endosso o que você disse sobre o blog: é ótimo que ele seja espaço para discussões assim! Fiquei orgulhosa de fazer parte dele.
    Beijo

  7. Avatar Iracema disse:

    O nosso governo, está cantando, daqui não saio daqui ninguém.Chega precisa mudar,está parecendo que os Jundiaiense só sabe contar até 45.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Link original: https://votoconscientejundiai.com.br/um-secretario-afasta-muita-gente-tres-muito-mais/